2.ª vitória de PORTUGAL no Mundialito 2009

(© FPF)

(© FPF)

A Selecção de PORTUGAL voltou a vencer por a 1, esta tarde , desta feita, frente ao País de Gales.

Após ter conhecimento do empate a 1 golo entre as selecções da Áustria e Polónia, a nossa selecção aproveitou a oportunidade para passar para a liderança do Grupo C da competição.

Portugal iniciou a partida com uma postura, claramente mais defensiva do que a apresentada frente à Polónia, há dois dias atrás. O País de Gales tentou pressionar, desde o início as jogadoras nacionais para que estas não conseguissem ter uma posse de bola de qualidade e realizar passes perigosos para o seu ataque.

Apesar desta pressão, Portugal conseguiu efectuar o seu primeiro remate aos 11 minutos por Carla Couto, após jogada pelo lado direito. Tal como no jogo anterior, a equipa nacional atacou preferencialmente pelo lado direito, aproveitando a velocidade e técnica de Ana Borges, que voltou a corresponder.

Apesar de Portugal ter criado situações de algum perigo, foi a jogadora n.º 10 do País de Gales, aos 25 minutos, quem verdadeiramente ameaçou alterar o marcador. Esta, após alguma atrapalhação no centro da defensiva nacional, remata, já dentro da área, para canto.

Portugal, voltou a mostrar que sabe responder a “sustos”. No minuto seguinte, Edite Fernandes inicia a jogada no meio campo, passa rapidamente para Ana Borges que, após percorrer todo o meio campo contrário, deixando para trás a sua adversária directa, remata para defesa incompleta da guardiã galesa. Edite Fernandes que vinha acompanhando o ataque só teve que encostar para o 1.º golo luso.

Até ao final da primeira parte, todas as jogadas de perigo pertenceram às jogadoras portuguesas.

Portugal entrou na 2.ª parte sem realizar qualquer alteração na sua equipa. As jogadoras mantiveram o tipo de jogo que até então haviam apresentado: muito mastigado e, por vezes, lento. No entanto, aos 56 minutos, quebrando o ritmo instalado, Edite tenta furar para a baliza e, após corte galês, Sofia Vieira ganha a bola na área adversária e sofre falta: penalty para Portugal.

Paula Cristina, capitã, assume a responsabilidade e faz o que todos desejávamos: 2 – 0 para Portugal. Guarda redes para a direita, bola para a esquerda.

Mesmo em vantagem, Portugal não se recolheu no seu meio campo defendendo o resultado, continuou a controlar a posse de bola e tentar, a espaços, criar perigo para a baliza adversária.

No entanto, o País de Gales conseguir diminuir a desvantagem para 2-1, por Jayne Ludlow, através de um remate forte e colocado à entrada da área.

A meio da 2.ª parte, Mónica Jorge lançou Emily Lima que teve tempo para realizar um remate muito perigoso à entrada da área. Aos 82 minutos, Dolores Silva entrou em campo, subsituindo a exausta Carla Couto.

Apesar das menores velocidade e qualidade do jogo de Portugal, muito devido à pressão do País de Gales, a equipa das quinas voltou a corresponder e a vencer, no seu 2.º jogo do Mundialito 2009.

 

Mais uma vez, PARABÉNS PORTUGAL!

Ficha do Jogo
XVI Algarve Women’s Football Cup / Mundialito de Futebol Feminino.
Estádio Municipal de Albufeira.
Árbitra: Quetzalli Alvarado (México).
Árbitras Assistentes: Mayte Garcia e Emperatriz Ayala (México).
4ª Árbitra: Efthalia Mitsi (Grécia).
 
PORTUGAL: Neide Simões, Lissette Brandão, Kimberly Brandão, Sílvia Rebelo, Sónia Matias, Sílvia Brunheira (Emily Lima, 73’), Paula Cristina (cap.), Sofia Vieira, Ana Borges, Edite Fernandes e Carla Couto (Dolores Silva, 82’).
Suplentes não utilizadas: Jamila Marreiros, Kikas, Joana Carvalho, Mónica Gonçalves, Carole Costa, Ana Valinho e Helga Portugal.
Treinadora: Mónica Jorge.
Golos: Edite Fernandes (27’) e Paula Cristina (57’, g.p.).
Disciplina: Cartão amarelo exibido a Sofia Vieira (57’).
  
PAÍS DE GALES: Nicola Davies, Lauren Townsend, Michelle Green (Loren Dykes, 61’), Nicola Cousins, Katie Daley, Jayne Ludlow (cap.), Helen Lander, Jessica Fishlock (Eleri Earnshaw, 80’), Gwennanh Harries (Emma Plewa, 61’), Emma Jones e Katie Williams (Sally Wade, 66’).
Suplentes não utilizadas: Rhian Nokes, Carla Parfitt e Peggy Howells.
Treinador: Adrian Tucker.
Golos: Jayne Ludlow (68’).
Disciplina: Cartão amarelo exibido a Peggy Howells (83’).
Anúncios

About S.U. 1º Dezembro | Futebol Feminino

Campeãs Nacionais de Futebol Feminino | National Women's Football Champions Ver todos os artigos de S.U. 1º Dezembro | Futebol Feminino

Comments are disabled.

%d bloggers like this: